Rua Plínio de Camargo, 8-69 - Bauru - SP R. Dr. Élton César, 919 - Campinas - SP Rua Albino de Morais, 395 - São Paulo - SP 14 3109-2433 19 3716-8250 11 2060-9680

SuperOil Normas

Conheça - SuperOil Normas

NORMAS PARA DESCARGA DE PRODUTOS

CONFERÊNCIA

1º Coloque o veículo em um terreno plano;

2º Verifique os lacres se estão firmes e não soltos;

3º Confrontar os números dos lacres com os da nota fiscal;

4º Verificar se o produto esta na seta;

5º Recolher amostra tanto por cima quanto por baixo do tanque;

6º Tirar a densidade e a temperatura do produto;

7º Confira a aferição e certifique que a mesma pertence ao veículo;

8º Verifique se a capacidade do tanque é a mesma da nota fiscal;

9º Confira a altura da seta com a expedida pelo certificado de aferição;

10º Após a descarga incline o veículo para escorrer o produto.

SEGURANÇA

1º Coloque o extintor de pó químico na posição de uso;

2º Coloque o aviso de não fumar;

3º Conectar o cabo terra à terra;

4º Coloque o balde de alumínio nos locais que tenham vazamento;

5º Não esqueça dos cones se o lugar for movimentado;

6º Use a fita de isolamento se for necessário.

NORMAS PARA RECEBIMENTO DE CARRO-TANQUE

Biodiesel S10

Conforme resoluções no 62/11, 02/11 e 02/08 da Agencia Nacional do Petróleo, Lei 12.305 de 08/10 Decreto Lei 7.404 de 12/10 e NBR 7.505-1 e NBR 14.725; a partir de 01 de janeiro de 2012 será comercializado o óleo diesel menos poluente de cor amarela para os veículos com tecnologia

Euro V, e a partir de 01 de janeiro de 2013 o S10 para todos os veículos motorizados a óleo diesel.

Assim, torna-se imprescindível tomar alguns cuidados com o óleo diesel, quanto aos vapores, riscos de explosão e incêndio, quanto ao uso de aparelhos celulares na cercania do tanque.

Lembramos que o mesmo não deve ficar armazenado por um período superior a 30 dias

Recomendamos que após o recebimento do produto o tanque seja lacrado. Somente dessa forma o produto estará garantido até o próximo descarregamento.

Nossos motoristas estão habilitados a proceder a lacração do tanque, sem qualquer ônus.

Lacre em perfeitas condições ensejará nossa plena responsabilidade sobre o controle de qualidade do produto, desde que não apresente violação ou numeração discordante.

Recomendamos transmitir este alerta e os itens abaixo, aos funcionários, motoristas, clientes e pessoas que lidam com o produto. Os mesmo deverão ser observados com muito rigor uma vez que não nos responsabilizamos por qualquer incidente que ocorrer em decorrência da não observância das recomendações expostas:

A) - evitar eventuais vazamentos e derrame;

B) - manter o produto em recipientes ou tanques fechados;

C) - manusear o produto em ambientes aberto e ventilado;

D) - instalar os tanques de serviços e armazenamento em área externa, bem ventilada e distante de fontes de calor;

E) - os suspiros dos tanques devem carregar para a parte externa do prédio e nunca para ambientes fechados ou de pouca ventilação, pois, expelem gases altamente voláteis;

F) - manter os equipamentos de incêndio e primeiros socorros sempre à mão, em local de fácil acesso e vistoriados;

G) - proibir fumar em ambientes onde se manuseie ou utiliza produtos inflamáveis.

Biodiesel S500

Prezado Cliente,

Servimo-nos da presente para ratificar nossas correspondências anteriores, no sentido de melhor orientação para o recebimento de carro - tanque:

1- Ao receber a Nota Fiscal, verificar se o produto da mesma confere com seu pedido em tipo e quantidade;

2- Verificar se os lacres estão perfeitos e não foram violados;

3- Depois de abertas as tampas superiores, verificar o nível do produto, sendo que o mesmo deverá FACEAR A SETA, desde que o veículo esteja estacionado em local nivelado;

4- Antes da descarga, colete amostra do produto, para verificar se o mesmo é o produto solicitado, e a existência de possíveis impurezas que por ventura estejam depositadas no tanque;

5- Recomendamos que o motorista esteja próximo ao local durante a descarga propriamente dita, certificando-se que a operação esteja sendo executada na absoluta ordem e segurança;

6- Terminada a descarga, solicite ao motorista que mantenha o veículo inclinado sobre os calços, ou em local em declive, escoando totalmente o produto. Para que o caminhão fique em posição reclinada correta, oriente-se pelo início da tubulação de saída do tanque e nunca pela válvula de descarga, que poderá estar na posição oposta;

7- Antes da liberação do caminhão, pedimos retorná-lo para o local nivelado, a fim de inspecionar o interior dos compartimentos. Lembramos que em nossos caminhões não devem permanecer lastro após a descarga;

Esclarecemos a V.S. que não consideramos reclamações baseadas em réguas de medição de tanques subterrâneos e medidores, visto tratar-se de medição não reconhecidas pelo Inmetro, assim como não consideramos reclamações de faltas apuradas através da balança, em se tratando de produtos comercializados em litros.

Lembramos, ainda que o canhoto da nota fiscal deverá ser preenchido corretamente em todos os seus itens, pois conforme consta no mesmo “ não aceitamos reclamações posteriores”

Finalizando, solicitamos contatar nossa empresa, antes da assinatura do canhoto da nota fiscal, sempre que houver qualquer anormalidade no recebimento do caminhão-tanque, e, obrigatoriamente na presença do motorista envolvido, para que possamos solucionar o problema no exato momento, orientando V.S. como deverá proceder.

Diante do acima exposto, NÃO ACEITAREMOS RECLAMAÇOES POSTERIORES.

NORMAS Biodiesel S500

Prezado Cliente:

Conforme resoluções nº 13/79 e 07/08 da agência Nacional do Petróleo, forma modificadas algumas das características do óleo diesel, inclusive, com redução do ponto de fulgor de 55º C para 38º C, além da modificação para cor vermelha.

Assim, torna-se imprescindível tomar os mesmos cuidados com o óleo diesel que se toma com a gasolina, quanto aos vapores, riscos de explosão e incêndio.

Recomendamos que após o recebimento do produto o tanque seja lacrado. Somente dessa forma o produto estará garantido até o próximo descarregamento.

Nossos motoristas estão habilitados a proceder a lacração do tanque, sem qualquer ônus.

Lacres em perfeitas condições ensejarão nossa plena responsabilidade sobre o controle de qualidade do produto, desde que não apresente violação ou numeração discordante.

Recomendamos transmitir este alerta e os itens abaixo, aos funcionários, motoristas, clientes e pessoas que lidam com o produto. Os mesmos deverão ser observados com muito rigor uma vez que não nos responsabilizamos por

qualquer incidente que ocorrer em decorrência da não observância das recomendações expostas:

– evitar eventuais vazamentos e derrame;

– manter o produto em recipientes ou tanques fechados;

– manusear o produto em ambiente aberto e ventilado;

– instalar os tanques de serviços e armazenamento em área externa, bem ventilada e distante de fontes de calor;

– os suspiros dos tanques devem carregar para a parte externa do prédio e nunca para ambientes fechados ou de pouca ventilação, pois, expelem gases altamente voláteis;

– manter os equipamentos de incêndio e primeiros socorros sempre à mão, em local de fácil acesso e vistoriados;

– proibir fumar em ambientes onde se manuseie ou utilize produtos inflamáveis

NORMAS PARA RECEBIMENTO DE CARRO-TANQUE

Óleo Combustível

Prezado Cliente:

Servimo-nos da presente para ratificar nossas correspondências anteriores, no sentido de melhor orientação para o recebimento de carro-tanque:

1. Ao receber a nota fiscal, verificar se o produto da mesma confere com seu pedido em tipo e quantidade;

2. Verificar se a lacração está perfeita e não foi violada;

3. Após abertas as tampas superiores, verificar o nível do produto, sendo que o mesmo deverá FACEAR A SETA, desde que o veículo esteja estacionado em local nivelado;

4. Recomendamos que o motorista esteja próximo ao local durante a descarga propriamente dita, certificando-se que a operação esteja sendo executada na absoluta ordem e segurança;

5. Terminada a descarga, solicite ao motorista que mantenha o veículo inclinado sobre os calços, ou reclinada correta, oriente-se pelo inicio da tubulação de saída do tanque e nunca pela válvula de descarga, que poderá estar na posição oposta;

6. Antes da liberação do caminhão, pedimos retorná-lo para o local nivelado, a fim de inspecionar o interior dos compartimentos. Lembramos que me nossos caminhões não devem permanecer lastros após a descarga;

Esclarecemos a V.Sas. que não consideramos reclamações baseadas em réguas de medição de tanques subterrâneos e medidores, visto tratarem-se de formas de medição não reconhecidas pelo Inmetro .

Lembramos, ainda que o canhoto da nota fiscal deverá ser preenchido corretamente em todos os seus itens, pois conforme consta do mesmo, não aceitaremos reclamações posteriores.

Finalizando, solicitamos contatar nossa empresa, antes da assinatura do canhoto da nota fiscal, sempre que houver qualquer anormalidade no recebimento do caminhão-tanque, e, obrigatoriamente na presença do motorista envolvido,

para que possamos solucionar o problema no exato momento,orientando V.Sas. como proceder

.

PADRÃO DE INSTALAÇÃO GRUPO FRAIA

MANUAL DE INSTALAÇÃO DE TANQUES

Tanques aéreos

1. A caixa de contenção devera conter o volume da capacidade do tanque multiplicado por 1,2.

2. A caixa não poderá servir de deposito de lixo, material e nem abrigo de animais.

3. A caixa devera possuir um registro em um dos seus lados e o mesmo devera permanecer fechado.

4. A distancia da parede da caixa para com a do tanque devera ter no mínimo 0,50m (meio metro) de qualquer lado do mesmo.

5. A caixa não poderá ter rachaduras ou fissuras e devera ser impermeável.

6. O tanque devera estar aterrado.

7. A saída de vapores do tanque (suspiro) deverá estar a uma distancia mínima do nível do solo de 3,70m (três metros e setenta centímetros).

8. A alimentação do tanque a bomba abastecedora não poderá estar enterrada.

9. A bomba de abastecimento quando instalada dentro da caixa de contenção devera ficar acima do nível máximo do liquido retido na caixa de contenção.

10.A bomba de abastecimento instalada fora da caixa de contenção devera possuir uma caixa de retenção na sua base.

Tanques subterrâneos

Deverá seguir a Resolução CONAMA nº 273.